- Publicidade -
16.5 C
Albergaria-a-Velha
InícioRegiõesPS de Estarreja alerta para qualidade do ar no concelho

PS de Estarreja alerta para qualidade do ar no concelho

- Publicidade -

Esta situação é absolutamente intolerável, por atentar contra a saúde da população“, começa por defender a concelhia de Estarreja do Partido Socialista (PS) num comunicado publicado na sua página de Facebook.

A publicação refere-se à classificação da qualidade do ar em Estarreja estar na categoria de ‘perigoso’, segundo a escala do site Beijing Air Pollution: Real-Time Air Quality Index. De acordo com o partido, “Estarreja assinalava hoje, às 7 da manhã, 895“. O escalão de ‘perigoso’ vai dos 300 aos 500 nos valores do Índice de Qualidade do Ar (AQI). O site esclarece que o patamar de ‘perigoso’ traduz-me num “alerta de saúde: todos podem experimentar efeitos mais graves para a saúde“.

Também o site da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) registou o pico de partículas em suspensão entre as 09h00 e as 12h00, que colocaram a qualidade do ar de Estarreja no patamar de ‘mau’, o último na escala.

Face a esta situação, o PS adianta ir apresentar “ainda hoje“, uma queixa às autoridades, “na esperança de que alguém faça alguma coisa para acabar com esta situação intolerável“. “Estarreja precisa da indústria. Mas precisa de indústria que cumpra a legislação em vigor. Os estarrejenses precisam do mais básico que qualquer ser humano precisa: ar de qualidade para respirar“, continua.

O partido lembra que desde a tomada de posse, em outubro de 2021, os seus vereadores têm “colocado questões sobre este assunto, recorrentemente, nas sessões de Câmara, ao representante máximo da Proteção Civil concelhia, que é o presidente da Câmara. Não temos respostas. É o “deixar andar” do costume“, remata.

- Publicidade -
Adriana Ribeiro
Jornalista do Jornal de Albergaria - Licenciada em Ciências da Comunicação e mestre em Jornalismo pela Universidade da Beira Interior. Leitora assídua e apaixonada pela escrita desde pequena. O gosto pelo jornalismo foi por isso inevitável. O jornalismo regional tem sido o grande foco de trabalho, tendo já passado por várias redações de vários pontos do país.
- EDIÇÃO IMPRESSA -

CONECTE-SE

20,928GostosGostar
2,681SeguidoresSeguir

EM DESTAQUE

- Publicidade -

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido!