Cerca de 65 idosos de Albergaria mostram talentos no maior concurso artístico sénior de Portugal

0
428
Fotografia: Município de Ílhavo

Idolíadas – Concurso Artístico para Seniores, promovido pela Câmara Municipal de Ílhavo conta com a participação de 500 seniores, 80 técnicos e 50 instituições de nove municípios da região de Aveiro: Águeda, Albergaria-a-Velha, Aveiro, Ílhavo, Mira, Oliveira do Bairro, Ovar, Sever do Vouga e Vagos.

A equipa de Albergaria-a-Velha é constituída por cerca de 65 seniores, do Programa Idade Maior, Solar das Camélias, Centro Social e Paroquial Santa Eulália e Probranca.

A entrada no “Idolíadas – Concurso Artístico para Seniores” tem um custo de 2 euros, estando os bilhetes disponíveis na Casa da Cultura de Ílhavo e na Fábrica das Ideais da Gafanha da Nazaré.

Os resultados do concurso serão conhecidos posteriormente na Gala Idolíadas, no dia 23 de junho, às 15h, no Laboratório das Artes – Teatro da Vista Alegre, com entrada gratuita.

A Câmara Municipal de Ílhavo desenvolve, anualmente, o projeto “Idolíadas”, direcionado para áreas das expressões artísticas e da cultura. Esta iniciativa visa reunir os idosos das instituições e comunidade envolvente, representando o seu Município, em provas específicas nas áreas do teatro, música, dança, arte plástica, cultura geral e fotografia.

Desde janeiro que os seniores inscritos ensaiam para as provas nas diversas áreas com o objetivo de conquistar o painel de jurados e levar o seu município ao pódio dos vencedores.

Nas sessões preparatórias são usadas técnicas de estimulação (cognitiva, multissensorial e ocupacional) e de reminiscência; terapia pelas artes (arteterapia, musicoterapia, dançaterapia e dramaterapia).

 A primeira edição, ocorreu em 2015, tendo recebido uma lufada de ar fresco com a abertura do concurso à participação de equipas de municípios dos distritos de Aveiro e Coimbra, em 2018.

João Campolargo, Presidente da Câmara Municipal de Ílhavo, afirma ser “uma iniciativa que se enquadra na nossa política de coesão social, nomeadamente ao nível do envelhecimento ativo, da criação de uma vida comunitária partilhada e significativa e da união com os municípios da nossa região de Aveiro.” O edil acrescenta que “envelhecer deve ser um privilégio e uma oportunidade para toda a sociedade.”


O Município de Ílhavo, através do seu Laboratório do Envelhecimento que tem como objetivo o aumento do conhecimento sobre o envelhecimento, foi galardoado recentemente com o prémio internacional “Grundtving 2022”, atribuído pela Associação Europeia para a Educação de Adultos.


Um galardão que eleva o Município a exemplo internacional de boas práticas no ensino informal de adultos, nomeadamente de idosos, através de uma aprendizagem transformadora.