- Publicidade -
16.5 C
Albergaria-a-Velha
InícioSaúdeRastreio do cancro da mama em Albergaria

Rastreio do cancro da mama em Albergaria

- Publicidade -

 “O cancro da mama não pode ser evitado. A melhor resposta é o rastreio. O exame é rápido, gratuito e pode salvar a vida”. É com este mote que o Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro lança o apelo a todas as mulheres entre os 50 e os 69 anos para participarem no Programa de Rasteio de Cancro da Mama.

A Unidade Móvel está estacionada no Centro de Saúde de Albergaria e ali permanecerá até meados de novembro. Está em funcionamento de segunda a sexta-feira, das 9h15 às 12h30 e das 13h30 às 16h30.

As mulheres com inscrição atualizada no Centro de Saúde recebem uma carta-convite com a indicação da data e hora de realização do exame. Segundo a Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), “constata-se que muitas faltas ao rastreio decorrem da desatualização dos dados de morada nos registos dos Centros de Saúde, motivo pelo qual se apela à atualização dos mesmos e à participação no rastreio”.

No âmbito do plano de contingência para a Covid-19, serão colocadas em prática todas as recomendações das autoridades de saúde, a fim de garantir a segurança de utentes e profissionais.

Neste sentido apela-se ao cumprimento de algumas medidas. Deve respeitar o horário de marcação, para que o Núcleo Regional do Centro da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC.NRC) consiga “assegurar que realiza o exame à hora previamente acordada com todas as utentes” e evitar ajustamentos. A profissional da Liga Portuguesa Contra o Cancro fará a chamada de cada utente no exterior da Unidade Móvel, não devendo aceder a esta sem permissão. Em caso de dúvida ou de necessidade de esclarecimentos adicionais, deve contactar a LPCC.NRC pelo telefone 239 487 495/6.

Leia a notícia na íntegra na edição impressa do Jornal de Albergaria, dia 5 de agosto nas bancas.

- Publicidade -
Solange Ferreira
Jornalista do Jornal de Albergaria - Nasci e cresci em Albergaria-a-velha. Aos 19 anos troquei o conforto de casa pelas montanhas beirãs, onde me licenciei em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior. A vontade de inovar e aprender coisas novas levou-me a fazer Erasmus, durante 6 meses, na Universidade de Roma "La Sapienza". Seguiu-se um Mestrado em Comunicação e Jornalismo na Universidade de Coimbra.
- EDIÇÃO IMPRESSA -

CONECTE-SE

20,928GostosGostar
2,681SeguidoresSeguir

EM DESTAQUE

- Publicidade -

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido!