Recolha de eletrodomésticos pode ajudar Bombeiros

Recolha de eletrodomésticos pode ajudar Bombeiros

Se tem eletrodomésticos velhos, avariados ou simplesmente parados e não sabe o que lhes fazer, os Bombeiros Voluntários de Albergaria-a-Velha têm a resposta através do Ponto Eletrão instalado no quartel.

Lâmpadas, pilhas, grandes e pequenos eletrodomésticos ou “tudo o que tenha ligação à eletricidade” são os produtos que pode deixar no quartel dos Bombeiros de Albergaria-a-Velha, como explica o comandante da corporação, Albano Ferreira, em declarações ao Jornal de Albergaria.

A iniciativa insere-se no projeto de recolha de eletrodomésticos ‘Quartel Eletrão’, que vai na sexta edição e é desenvolvido pela Eletrão – Associação de Gestão de Resíduos. O objetivo da campanha passa por envolver as associações humanitárias de bombeiros para a recolha destes produtos e ao mesmo tempo premiar os corpos de bombeiros que reúnam mais toneladas. O comandante esclarece que o peso alcançado será “convertido num valor que pode dar direito a uma ambulância”, caso seja a associação, que a nível nacional, consiga recolher mais toneladas.

Mediante a classificação obtida, é também possível receber outros prémios como valores monetários convertíveis em equipamento de proteção ou cartões pré-pagos em combustíveis. Independentemente dos resultados obtidos, como forma de recompensar o serviço prestado, todos os quartéis vão receber 75 euros por cada tonelada de resíduos. Este valor vai acumular com os prémios para quem recolher maiores quantidades.

A medida já está em vigor e para contribuir para esta causa basta dirigir-se ao quartel, e na zona da central de comunicação informar que vem deixar bens para o projeto. Albano Ferreira deixa o apelo para que a comunidade “ajude os bombeiros enquanto zela pelo meio ambiente”.

 

Bombeiros bateram recorde durante a pandemia

São várias as corporações de bombeiros por todo o país que aderem à iniciativa ‘Quartel Eletrão’. Na quinta edição, referente ao ano de 2020, os bombeiros portugueses atingiram “um máximo histórico na recolha de pilhas e equipamentos usados”, indica a entidade responsável pela campanha no seu site.

Apesar da pandemia, foram recolhidas mais de 277 toneladas, o “valor mais alto registado nas cinco edições desta iniciativa”.

Saiba mais aqui.

123

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.

Últimas Notícias

Top Authors

Most Commented

Featured Videos

Sobre o autor

Adriana Ribeiro

Jornalista do Jornal de Albergaria - Licenciada em Ciências da...

Leia mais sobre:

Jornal de Albergaria - Jacovid19

Primeira Página

Jornal de Albergaria - Edição Digital Nº 55

Publicidade



error: Conteúdo protegido!