Mostra Nacional de Jovens Criadores com inscrições abertas para 15 categorias artísticas

0
127

A Mostra Nacional de Jovens Criadores é a mais importante apresentação de trabalhos de jovens artistas em Portugal. Este ano, o evento decorre em Almada e conta com 15 categorias artísticas e a entrega de 15.000€ em prémios. As inscrições estão abertas até 20 de outubro.

A Mostra Nacional de Jovens Criadores (MNJC) é desde 1997 o “mais importante e alargado programa de estímulo à criação por jovens artistas em Portugal”, como se lê no website oficial do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), criador do evento, juntamente com o Gabinete do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto. A mostra é um convite aos jovens para a exposição ou apresentação pública das suas obras – este ano, com 15 categorias artísticas distintas.

O Gerador, revista de jornalismo lento e independente dedicada à educação, cultura e jornalismo, está a cargo da organização desta edição. “A nossa candidatura parte muito da proximidade d’O Gerador à juventude, quer no conteúdo jornalístico, quer nas formações que temos. Faz todo o sentido para nós fazer parte de um evento nacional de tal importância”, partilha Margarida Marques, diretora de comunicação da revista O Gerador, com o Jornal de Albergaria.

As inscrições para a mostra são feitas aqui e a data-limite para submeter as peças é 20 de outubro de 2022, até às 20h. A MNJC inclui jovens artistas das mais diversas áreas: Arte Digital, Arte Urbana, Cerâmica, Cinema, Dança, Escultura, Fotografia, Gastronomia, Humor, Ilustração, Literatura, Moda, Música, Pintura e Teatro. Podem inscrever-se, individualmente ou em equipa, jovens portugueses ou estrangeiros a residir em Portugal, com máximo de 30 anos (à data de 31 de dezembro).

Almada recebe exposição e entrega de prémios

O palco da Mostra desta edição, 25 anos após a estreia, é a cidade de Almada. Em dezembro, o Fórum Municipal Romeu Correia e o Centro Cultural Juvenil de Santo Amaro recebem três dias de “exposições, concertos, workshops e outra dimensões culturais”, adianta Margarida Marques.

No último dia do evento serão atribuídos 15.000€ em prémios, 1000€ por cada uma das 15 categorias artísticas. No website da entidade organizadora lê-se que todos os premiados têm igualmente direito a uma entrevista individual para o Gerador e a 50% de desconto em todos os cursos e workshops da Academia Gerador durante um ano.

O júri será composto por um elemento do IPDJ e dois artistas reconhecidos pelo trabalho na área, entre os quais o Chef Kiko na Gastronomia, Hugo Van Der Ding no Humor, Clara Não na Ilustração, Hélio Morais na Música e Pedro Fazenda na Escultura.

“Pela proximidade que temos ao tema, conseguimos incluir novas categorias na Mostra, onde os jovens são muito dinâmicos, como a Arte Urbana, a Cerâmica, o Humor, a Gastronomia e Arte Digital”, acrescenta Madalena Marques.

A MNJC realiza-se de 1 a 3 de dezembro e toda a informação sobre o evento está disponível no website do Gerador.