• Jornal de Albergaria - Banner Avelab


Dia da Defesa Nacional suspenso

  • Categorias Atualidade
  • 4 de Junho, 2020
  • 25 Visualizações
Dia da Defesa Nacional suspenso

O Dia da Defesa Nacional, que en­volve um total de 50 236 mil jovens, foi suspenso até dia 1 de setembro devido à situação pandémica que se vive em Portugal e “atendendo às orientações das autoridades nacionais de saúde e às medidas do Plano de Contingência do Ministério da Defesa Nacional”.

Esta é a quarta vez, desde 9 de mar­ço, que é suspenso o Dia da Defesa Nacional. Segundo o Governo, este evento “implica a concentração de um elevado número de jovens e de equi­pas divulgadoras, em unidades mili­tares dos três ramos das Forças Arma­das, pelo que se justifica esta medida preventiva de proteção”.

Os cidadãos convocados entre 24 de março e 15 de maio encontram-se dispensados da comparência ao Dia da Defesa Nacional e ficam com a sua situação militar regularizada. Para a emissão de cédula militar estes cida­dãos deverão preencher um formu­lário disponível online (https://bud. gov.pt/) e enviá-lo para ddn.covid19@defesa.pt.

Os cidadãos convocados a partir de 18 de maio até 1 de setembro serão no­vamente convocados, por edital, para cumprir o seu dever militar em data a definir.

Pedidos de esclarecimento adicio­nais podem ser colocados através do endereço eletrónico ddn.covid19@defesa.pt, através da linha de aten­dimento telefónico do Balcão Único da Defesa – (+351) 213 804 200 ou do Centro para o qual foste convocado.

Relacionadas

error: Conteúdo protegido!