Programa de Desporto Adaptado celebra cinco anos de desafios e recompensas

0
118

O Programa de Desporto Adaptado de Albergaria-a-Velha está de parabéns e soprou as velas com atividades aquáticas, esta manhã, e uma demonstração de Boccia DI aberta a toda a comunidade, esta tarde.

Há cinco anos nascia um projeto embrionário com “muita carolice e boa vontade da APPACDM, que foi o primeiro parceiro do município”, conta Catarina Mendes, vereadora para a Ação Social, ao Jornal de Albergaria.

Do desafio mútuo entre município e instituição, o projeto ganhou asas e alargou para outras instituições do concelho e agora conta também com alunos dos agrupamentos de escolas. “No fundo, é a promoção da participação, da integração em atividades e também a preparação dos utentes naquilo que cada um sabe fazer melhor, numa dinâmica de inclusão”, refere a vereadora.

Dos cinco anos de projeto, dois foram em contexto pandémico. Apesar das dificuldades, Catarina Mendes sublinha que as atividades continuaram a acontecer, “recorrendo às tecnologias e à coordenação entre as instituições e o município”. Em fevereiro deste ano, faziam parte deste programa 70 participantes ativos (face ao maior número de inscrições), sendo que 44 faziam parte de IPSS’s e privados e 26 das escolas. Todas as semanas praticam atividades aquáticas e Boccia DI, já que desde a pandemia não têm nenhum participante no atletismo.

Na natação, são várias as provas a nível nacional, em que participantes do programa de Desporto Adaptado de Albergaria se destacam com várias medalhas. No Boccia DI, ainda recentemente uma equipa da APPACDM de Albergaria-a-Velha qualificou-se para a fase final do campeonato nacional da modalidade, que decorre em julho, em Viana do Castelo.

Hoje, dia da comemoração dos cinco anos, alguns dos utentes das instituições participaram nas atividades programadas para assinalar a data. Da parte da manhã, cerca de duas dezenas de utentes da APPACDM de Albergaria-a-Velha e da APPACDM de Aveiro participaram nas atividades aquáticas na Piscina Municipal de São João de Loure. À tarde, pelas 15h, estiveram os utentes e alguns membros da comunidade a jogar Boccia DI na Alameda 5 de Outubro.