- Publicidade -
14.8 C
Albergaria-a-Velha
InícioDesporto1,2 milhões de euros inviabilizam a utilização das Piscinas Municipais

1,2 milhões de euros inviabilizam a utilização das Piscinas Municipais

- Publicidade -

Depois de adiado o início da Escola Municipal de Natação, devido ao contrato renunciado pela empresa adjudicatária responsável pela contratação de serviços técnicos, agora o município comunica que todas as piscinas municipais do concelho de Albergaria – Branca, São João de Loure e Albergaria – vão ficar temporariamente suspensas, a partir de 31 de outubro deste ano.

De acordo com o comunicado de imprensa, esta decisão prende-se com o elevado aumento do custo do gás natural e energia elétrica. O documento esclarece que “Perante a avaliação de consumos reais e os preços energéticos do mercado para 2023, a fatura dos três equipamentos revela um aumento na ordem de 1,2 milhões de euros, em relação aos preços de 2019”, configurando um aumento dez vezes superior ao valor estimado.

António Loureiro, presidente da Câmara Municipal, afirma que “o momento de crise que atravessaremos em 2023, com a mais alta taxa de inflação dos últimos 30 anos, e a incerteza associada a novos aumentos dos preços em geral, impõe que este Executivo tenha decidido pela suspensão temporária do funcionamento das três piscinas municipais, canalizando os esforços e valores em causa para reforço e alargamento do apoio social a mais famílias e empresas, através dos programas existentes”, terminando ainda esclarecendo que esta é uma decisão ponderada e “difícil de tomar, baseada no bom senso, mas necessária na presente data”.

- Publicidade -
- EDIÇÃO IMPRESSA -

CONECTE-SE

20,928GostosGostar
2,932SeguidoresSeguir

EM DESTAQUE

- Publicidade -

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido!