- Publicidade -
16.5 C
Albergaria-a-Velha
InícioAlbergaria lá por foraAlbergaria é uma “autarquia familiarmente responsável”

Albergaria é uma “autarquia familiarmente responsável”

- Publicidade -

O Município de Albergaria-a-Velha foi reconhecido pela primeira vez como uma “Autarquia Familiarmente Responsável”. Este prémio, atribuído pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR), distingue as Autarquias que se destacam pelas políticas e boas práticas adotadas no apoio à família, munícipes e aos seus funcionários.         
O galardão distingue as autarquias em duas vertentes: enquanto entidade empregadora, isto é, que adota medidas facilitadoras de conciliação de vida familiar e laboral para os seus trabalhadores, sendo, por isso mesmo, um modelo destas práticas; e para os munícipes, com medidas facilitadoras da vida familiar.
Albergaria-a-Velha foi distinguida a par de 81 Municípios em todo o país. No distrito de Aveiro contam-se mais sete municípios: Águeda, Estarreja, Ílhavo, Mealhada, Oliveira de Azeméis, Ovar e Sever do Vouga.
Além do desenvolvimento de ações culturais, desportivas e recreativas para serem desfrutadas em família, a promoção de atividades de ocupação de tempos livres nas pausas letivas ou a manutenção de uma carga fiscal baixa, o Município de Albergaria tem dado especial atenção aos apoios para famílias economicamente carenciadas e com elementos portadores de deficiência e/ou incapacidade.
Em comunicado a autarquia refere que “no caso das famílias com dificuldades económicas, é possível destacar os programas de Apoio ao Arrendamento Urbano para Fins Habitacionais, o Apoio aos Consumos Domésticos de Água, Saneamento e Resíduos Urbanos, o Apoio à Recuperação de Habitações Degradadas, o Banco Municipal de Livros Escolares ou o aumento das Bolsas de Estudo ao Ensino Superior. Em relação às famílias com elementos portadores de deficiência ou incapacidade, o Município tem ao dispor o Balcão da Inclusão, bem como as Salas e de Integração Sensorial, desenvolve um programa de Desporto Adaptado e promove a contratação de jovens portadores de deficiência”.
O Observatório de Autarquias Familiarmente Responsáveis nasceu em 2008 e procura criar sinergias positivas nos municípios nacionais, dando visibilidade às autarquias que se destaquem por práticas amigas das famílias, potenciando a experiência obtida por uns municípios em benefício dos outros e colocando ao dispor das autarquias uma equipa pluridisciplinar, com experiência nos âmbitos da família e das autarquias, que possa contribuir positivamente para a avaliação de medidas nesta área. Este ano, tendo em conta a situação pandémica, o Observatório não irá realizar uma cerimónia oficial para entrega das distinções.

- Publicidade -
Solange Ferreira
Jornalista do Jornal de Albergaria - Nasci e cresci em Albergaria-a-velha. Aos 19 anos troquei o conforto de casa pelas montanhas beirãs, onde me licenciei em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior. A vontade de inovar e aprender coisas novas levou-me a fazer Erasmus, durante 6 meses, na Universidade de Roma "La Sapienza". Seguiu-se um Mestrado em Comunicação e Jornalismo na Universidade de Coimbra.
- EDIÇÃO IMPRESSA -

CONECTE-SE

20,928GostosGostar
2,681SeguidoresSeguir

EM DESTAQUE

- Publicidade -

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS

- Publicidade -
error: Conteúdo protegido!